Canadá

Onde comer em Canadá

‹ Anterior

de 1

Próxima ›
  1. Aux Anciens Canadiens

    Ocupando a histórica casa Jacquet, de 1676, o nome desse restaurante de 40 anos é o mesmo do romance de Philippe Aubert de Gaspé, que viveu lá como xerife de Quebec. O cardápio preserva especialidades clássicas québecois e pratos do campo, como “trapper’s treat” (torta de carne Lac St-Jean com faisão e búfalo). Vale a pena enfrentar as multidões pelo almoço de $20, que inclui um vinho ou uma cerveja.

  2. Bacalao

    O aconchegante Bacalao utiliza ingredientes locais e sustentáveis para a “nouvelle cuisine da Terra Nova”. Os pratos incluem bacalhau salgado du jour e caribu com molho de airela, acompanhados de cervejas e vinhos locais. Fica 1,5km a oeste do centro; pegue a Water st para o sul até Waldegrave st, depois a Barters Hill rd.

  3. Baked Expectations

    Os bolos podem deixar você de perna bamba ao entrar nesse estiloso palácio de sobremesas. No entanto, as preliminares gourmet são igualmente boas, com hambúrgueres, massas, omeletes e muito mais. Há um simpático cardápio infantil; o brunch de domingo vale a espera.

  4. Blue Door Fusion

    Esse animado restaurante local serve pratos fusion de alto nível, como bruschetta de gorgonzola, bacalhau com bordo e missô
    e curry de frango em uma atmosfera à meia-luz, chique e urbana. Drinques retrô, como Singapore Slings e Harvey Wallbangers são os favoritos.

  5. Daniel Brennan Brick House

    O ambiente chique dessa casa histórica de tijolos aparentes combina com os pratos criativos inspirados na cultura da ilha, preparados com ingredientes locais. Experimente a lagosta poutine, o bouillabaisse de frutos do mar, o frango ao curry tailandês
    ou um bom e velho hambúguer. Não vá embora sem saborear um drinque no lounge do andar de cima.

  6. Edible Canada at the Market Cost

    O bistrô mais famoso de Granville Island tem um restrito, mas tentador, menu de pratos sazonais canadenses, como o perfeito Alberta beef, o peixe à Terra Nova e algumas delícias da Colúmbia Britânica – peça a barriga de porco, assada lentamente. Experimente também as porções e finalize com uma torta de maple e uma taça de vinho gelado. Reserve com antecedência.

  7. Edna

    Tudo é delicioso, da galinha frita à moda sulista à bouillabaisse do Atlântico, recheada com tudo o que o mar tem de bom. Você pode jantar em uma grande mesa coletiva, onde todos interagem, no bar, se não quiser tanta socialização, ou em uma tradicional mesa para dois. É uma atmosfera única e vibrante de amor à comida e à bebida.
     

  8. Gallery Canadense

    Um restaurante saboroso e popular no Frobisher Inn, com massa e filés bem apresentados, além de cozinha do Norte, incluindo rena, boi-almiscarado e char. Há vistas agradáveis da baía e o serviço é bom.

  9. Klondike Rib & Salmon

    Parece turístico e realmente é, mas a comida é excelente nesse lugar casual com dois deques. Além dos pratos homônimos
    (os kebabs de salmão são ótimos), eles têm outros pratos locais populares.

  10. Memories Fine Dining

    Não se intimide com a questão do “jantar formal” se estiver viajando sem suas melhores roupas – nesse contexto, “formal”
    se refere mais à comida que ao ambiente. O longo cardápio é executado com desenvoltura e acompanhado por uma impressionante seleção de vinhos.

  11. Model Milk

    O Model Milk tem um cardápio que muda antes que a tinta seque, então é impossível prever o que você vai comer. Camarões com canjica e um ovo frito por cima estavam no topo das entradas da última vez. O serviço é mais fixo (garçons treinados), assim como a decoração (mezanino, mesa coletiva e cozinha aberta) e a atmosfera (estilosa, sem fazer muito esforço).

  12. Pastaga

    Pequenos pratos criativos são ótimos para compartilhar nesse restaurante relaxado moderno. Existem três áreas: escolha uma mesa na janela da frente, acomode-se num enorme banco no meio ou sente-se em uma mesa na cozinha, onde tudo acontece.

  13. Richmond Station

    (prato $20-29) Recomenda-se muito fazer reserva nesse restaurante-projeto do vencedor da segunda temporada do Top Chef Canada, Carl Heinrich. Os pratos são “voltados para os ingredientes e movidos pela técnica”. Nós amamos o farto coquetel de lagosta e o amanteigado fettuccine de cogumelos. O cardápio eclético é simples, mas gratificante, os preços são justos e complementados por uma carta de vinhos bem elaborada e pelos pratos do dia que aparecem no quadro negro.

  14. Wildcat Café

    Esse remodelado chalé de troncos na Cidade Velha tem produzido alimentos desde 1937. É administrado por um fornecedor diferente a cada verão, ou seja, o cardápio, os preços e os horários variam – os que constam neste guia se referem à última visita, quando havia chopes, hambúrgueres de bisão e música country. É agradável relaxar no deque com uma bebida em uma noite quente de verão.