Dicas e artigos

Pergunte aos especialistas: para onde ir em outubro

Família de zebras em South Luangwa

Outubro é a estação entre a baixa e a alta temporada no hemisfério norte e sul, o que o transforma no mês favorito dos viajantes que desejam ter um lugar só para eles.

O período é propício para uma viagem pelas florestas norte americanas durante o esplendor do outono, e  o calor do verão permanece por mais tempo que as multidões em algumas regiões mediterrâneas.

O fim da estação seca na Zâmbia significa que esse é o momento ideal para um safári. É bastante úmido em Myanmar, mas isso faz com que você possa visitar lugares históricos como Bagan; enquanto a cidade mais antiga da Coréia do Sul, a cidade mais antiga do Uruguai e a sempre efervescente Bali são opções atrativas a levar em consideração, com variados  festivais e celebrações.

Abaixo, uma visão geral dos especialistas do Lonely Planet sobre os melhores destinos de outubro.

Bali, Indonésia

Alguns dirão que não existe época ruim para visitar a tropical Bali, mas se for para escolher os favoritos, outubro é um dos melhores meses. Embora seja tecnicamente o início da estação das monções, a chuva geralmente não começa a cair tão cedo, então você pode aproveitar temperaturas amenas de 27°C, hospedagem mais barata e menos visitantes. Surfistas ainda podem pegar o fim das grandes ondas de inverno, e se você estiver com disposição para festividades, o aniversário dos atentados em Bali de 21 de Outubro de 2002 e 1 de Outubro de 2005 se transformaram em um momento de comemoração.

Concebido para recuperar a comunidade e estimular a economia, o Festival de Ubud de escritores e leitores (de 1 a 5 de outubro - ubudwritersfestival.com), se transformou em um dos festivais literários mais famosos do mundo; este ano mais de 150 escritores de mais de 25 países irão participar. Depois acontece o Kuta Karnival, a festa mais famosa da ilha, de 7 a 12 de outubro, que convenientemente coincide com o Festival Gastronômico de Bali. Para relaxar depois disso tudo, há ainda  o Balinale (Festival Internacional de Cinema - balinale.com), de 12 a 18 de outubro, ou você pode simplesmente sentar-se à beira da piscina com uma Bintang (cerveja Balinesa) gelada.

Sarah Reid – Editora dos destinos no Sudeste Asitático. Siga-a no Twitter: @sarahtrvls.

 

Parque Nacional de South Luangwa, Zâmbia

O finalzinho da estação seca na Zâmbia é uma ótima época para mergulhar de cabeça numa experiência insuperável de safári. Meses de céu azul no South Luangwa National Park – um dos parques mais completos em termos de animais selvagens – reduziram as fontes de água ao mínimo, forçando um grande número de animais a migrar para a região do rio Luangwa.

E não há maneira melhor de observar toda a atividade que acontece na beira do rio do que caminhando. O legendário guia Norman Carr foi pioneiro em safáris a pé por aqui nos anos 50, e South Luangwa ainda é estudado pelos guias. Eles agora passam anos aprendendo as características de todas as espécies, grandes e pequenas, para garantir sua segurança e entretenimento. As temperaturas durante o dia atingem a máxima de um ou dois graus acima de 30°C, mas as noites são agradáveis.

Matt Phillips – Editor dos destinos na África Subsaariana. Siga-o no Twitter: @Go2MattPhillips.

 

Virgínia, Estados Unidos da América

A América do Norte parece passar por um transplante de personalidade em outubro, quando suas florestas assumem tons de vermelho e amarelo. Em Virginia, você pode aproveitar o esplendor do outono em uma das mais espetaculares viagens de carro do país – a Skyline Drive – que se estende por 170 quilômetros  ao longo das Montanhas Blue Ridge. A rota completa dura apenas algumas horas, mas não perca a chance de caminhar por parte da trilha Appalachian ou de avistar veados de calda branca e perus selvagens enquanto passeia a cavalo.

Depois de tanto ar livre, chega a hora de curtir a acolhedora música das montanhas. Virgínia é o coração do blues e da música country clássica, e no recém- inaugurado Museu de música country (birthplaceofcountrymusic.org) em Bristol, você pode visitar  lugares como os que a família Carter e Jimmie Rodgers gravaram seus primeiros discos. As próximas paradas incluem os bares Floyd e Galax, para curtir música com os locais ao som de violinos e banjos frenéticos. Só não se esqueça dos seus sapatos para dançar.

Dora Whitaker – Editora dos destinos no leste dos EUA. Siga-a no twitter: @dorawhit.

 

Istambul, Turquia

A disputada temporada de verão nesta cidade constantemente popular chega ao fim em outubro. Você encontrará outros turistas nas grandes atrações como o  Topkapı Palace e a Aya Sofya, mas as filas são menores e as acomodações, mais baratas. Por que não aproveitar a calmaria para conhecer a Istambul moderna, explorando bairros além de Sultanahmet?

Vá para Beyoğlu, o centro de entretenimento da cidade com lugares para comer, beber, socializar, ver e ser visto. Para observar as pessoas, a rota de Taksim Meydanı (Taksim Sq) junto com İstiklal Caddesi é um passeio popular entre os jovens de Istambul, com ruas cheias de opções para comer e beber. A curta distância a pé, Karaköy, e principalmente as ruas entre a Galata Bridge e Tophane, estão sendo revitalizadas com lugares moderninhos como Karabatak e Unter. Como alternativa, Beyoğlu também é a casa de alguns dos espaços de arte mais incríveis da cidade, incluindo o İstanbul Modern, SALT Beyoğlu e SALT Galata, que vale a pena visitar só pelas vistas fantásticas do restaurante no último piso.

Jo Cooke –  Editor dos destinos na Europa Ibérica e Turquia. Siga-a no Twitter: @JoannaCooke1.

 

Bagan, Myanmar (Burma)

A estação de monções em Myanmar (Burma) normalmente mantém a multidão na baía, mas esse é um dos melhores perídos para visitar Bagan. Outubro traz o fim das chuvas fortes, então como ainda há bastante umidade, você encontrará uma vegetação exuberante e menos poeira – perfeito para explorar os mais de 3.000 templos budistas espalhados pelas planíceis de Bagan.

Passeie pelas muralhas do século 9 em Old Bagan e aventure-se de bicicleta pelos arredores para ficar maravilhado com os templos e ruínas – a maioria datados entre os séculos 11 e 13. Não perca o templo de  Ananda Pahto e seu pico de 51 metros de altura, ou o belo Shwezigon Paya, iluminado pela luz do dia. Relaxe numa viagem de barco pelo Rio Ayeyarwady,ou, para as vistas mais inesquecíveis sem ter que caminhar, faça um passeio de balão ao nascer do sol.

Laura Crawford – Editora dos destinos no Japão, Vietnã, Camboja, Laos, Burma e Filipinas. Siga-a no Twitter: @crawfplanet.

 

Malta

Se você tem medo do inverno neste mês de outubro, vá para a ensolarada ilha mediterrênea de Malta, onde as temperaturas ficam na média de 24°C, as multidões já se espalharam, e o preço das acomodações começa a cair. O clima leve é ideal para caminhar nos penhascos ou subir nas pedras - Dingli Cliffs é um lugar excelente para isso. O mar ainda está quente e a ilha tem excelentes praias para mergulho, inclusive a levemente inclinada Mellieħa Bay, e as adoráveis e arenosas Golden and Għajn Tuffieħa bays. Os dois melhores pontos de mergulho - a Blue Lagoon, uma bela enseada de areia branca, e o  Blue Hole, uma espécie de chaminé de calcário – também estão mais tranquilas nessa época do ano.

Se você estiver buscando algo mais cultural, o mês é recheado de festivais. A capital Valletta não dorme por conta de música ao vivo e performances de arte em Notte Bianca e em Vittoriosa (também conhecida como Birgu): três dias de música, comida e ostentação em Birgu à luz de velas, quando o centro histórico da cidade é iluminado pela luz de milhares delas.

Anna Tyler – Editora dos destinos no Sul da Europa. Siga-a no twitter: @go_AnnaT.

 

Busan, Coréia do Sul

Outubro é sem dúvida o melhor mês para visitar a segunda maior cidade da Coréia do Sul, Busan. O ponto alto do calendário do mês é o festival de fogos de Busan, que mistura shows de K-pop (música pop Coreana) com fogos de artifício no porto de Gwangan Bridge.

Também em outubro, Busan realiza seu festival anual de cinema internacional (biff.kr) – uma ótima desculpa para esbarrar com estrelas do cinema coreano e confraternizar com diretores de cinema em Haeundae Beach, onde acontece a festa.  Ou você pode comer bem no Festival Jagalchi, o maior de frutos do mar do país. Experimente pratos com frutos do mar coreanos ou espante-se com as criaturas diferentes à venda no Mercado.

A gigantesca bienal de artes de Busan (busanbiennale.org) também acontece este mês, e enquanto você estiver aqui, programe um bate-volta para o templo de Beomeosa. Localizado em colinas no meio da floresta a nordeste de Busan, é espetacular nas cores do outono.

Megan Eaves – Editora dos destinos no Norte da Ásia. Siga-a no Twitter:  @megoizzy.

 

Colonia, Uruguai

Assim que o hemisfério sul entrar na primavera, vá para Colonia del Sacramento, no Uruguai. Fundada pelos portugueses no final de 1600, Colonia é a cidade mais antiga do país; a vida lá passa devagar em comparação às vizinhas Montevideo, seguindo adiante na costa, e Buenos Aires, que está a apenas 45 minutos de balsa.

Em todos os meses de outubro, por um final de semana, o Uruguai comemora sua herança cultural nos Días del Patrimonio, garantindo entrada grátis para igrejas, museus, casas históricas e outros lugares no país. Em Colonia, você pode passear pelas ruas estreitas do Barrio Histórico, Patrimônio Mundial da Unesco, e  admirar a arquitetura dos séculos 17 e 18. Visite também o Portón de Campo, o portão de entrada da cidade, a ponte levadiça de madeira e a igreja mais antiga do Uruguai, a Basílica del Santísimo Sacramento. Termine subindo as escadas até o topo do farol histórico de Colônia do Sacramento, e desfrute de um espetacular pôr do sol.

Se você está buscando um refúgio à beira-mar, mas não está disposto a enfrentar a multidão de Punta del Este, você vai curtir a energia mais tranquila nas margens de Colonia. O grande Río de La Plata proporciona as mesmas sensações do oceano, e o número limitado de serviços o transforma em uma experiência mais isolada e exclusiva.

MaSovaida Morgan – Editora dos destinos na América do Sul. Siga-a no Twitter: @masovaida.

Este artigo foi publicado em Outubro de 2014 e foi atualizado em Novembro de 2014.