Itália

Onde comer em Itália

‹ Anterior

de 1

Próxima ›
  1. A Beccafico

    Afastada dos bares alinhados nas vielas, essa casa desfruta do sol do Campo Santo Stefano. Em vez de frutos do mar frios com torradas, o chef Adeli serve enormes taças de mexilhões sob uma borbulhante massa folheada. Ele desafia a regra sagrada de Veneza de nunca misturar frutos do mar da laguna com queijo servindo massas feitas com tinta de polvo, raspas de limão e ricota. Aprecie um levíssimo Pieropan Soave Classico e saia com a pança cheia e a carteira vazia.

  2. Anonimo Veneziano

    Simpático e casual, tem pratos clássicos a preços bastante razoáveis – massas a menos de €10, uma garrafa pequena de branco do Friuli da casa por €4 – e serviço impecável. Os garçons de gravata borboleta podem não deixar você sair antes de provar um chocolate recheado com grappa e só ajudar as senhoras a vestir o casaco depois de prometerem voltar.

  3. Casa Coppelle

    Elegante e acolhedor, com um ótimo cardápio de inspiração francesa e ambiente caloroso, a Casa Copelle é um achado. Paredes de tijolos, livros, flores e iluminação contida garantem o clima romântico, porém simples para uma refeição calorosa. Comece com o millefoglie di búfala e melanzane, criativa combinação de mussarela de búfala com fatias de berinjela, e depois peça o prato principal, filé com batatas fritas finíssimas. Atendimento rápido e cortês.

  4. Gelateria Suso

    Delicie-se com sabores sazonais originais, como creme de mascarpone com cobertura de figo e nozes. Os gelati são todos feitos na casa, não têm corantes artificiais, e mesmo os sabores sem glúten são supercremosos. Uma casquinha de waffle com avelã e chocolate extra-amargo vale um jantar.

  5. Hostaria da Nerone

    Essa trattoria antiga e administrada por uma família não é um lugar indicado para um jantar romântico ou para uma ocasião especial, mas contenta quem procura uma refeição consistente depois de um dia de passeio. Os turistas apostam nas massas clássicas e saladas, em geral acomodados na calçada, enquanto profissionais do mundo dos negócios ocupam as mesas internas e se deliciam com a saltimbocca e o tiramisù.

     

     

  6. La Carabaccia

    Três mulheres locais (Sara, Lala e Patrizia) investiram o coração e a alma nessa fantástica trattoria, a melhor opção da cidade no almoço. Seu pequeno cardápio muda diariamente, conforme a safra local. Sempre tem opções vegetarianas. Sente-se no terraço ou curta a trilha sonora de música folclórica italiana no interior. 

  7. L’Ancora

    Que lugar magnífico! O terraço à beira do canal é, naturalmente, o lugar ideal se o tempo estiver bom, mas não se pode dizer que é sacrifício ocupar uma mesa na simples e elegante casa de barcos, de tijolo, construída pelos Medici no século 17. Aqui se come cacciucco, mas o orgulho da família é o carbonara di mare (massa com frutos do mar e molho branco). 

  8. Pizzeria Ivo

    Uma das pizzarias mais famosas de Trastevere, a Ivo prepara redondas há mais de 40 anos e o movimento não diminui nunca. Com uma TV sempre ligada e mesas lotadas, ocupa a calçada quando o tempo permite. Ambiente ruidoso e pizzas crocantes, considerada das mais deliciosas e tradicionais de Roma. Garçons velozes e de poucas palavras.

     

     

     

  9. Targa

    “Comida amigável” é a proposta dessa casa elegante e moderna, um bistrô fiorentino em meio à vegetação das margens do rio Arno. As refeições são servidas em mesas de madeira ao estilo dos bistrôs parisienses – no interior ou na varanda; a carta de vinhos é estupenda, e o chef Gabriele Tarchiani tem muito orgulho de suas sobremesas. Vale a pena deixar um espaço para o suflê quente de chocolate e os crepes de limão.