Papua Nova Guiné

Atrações em Papua Nova Guiné

‹ Anterior

de 1

Próxima ›
  1. Jardim Botânico Nacional

    Na extremidade norte de Waigani Dr, logo depois da Universidade de Papua Nova Guiné, o Jardim Botânico Nacional é uma ilha de calma e beleza no meio de uma cidade sem graça. Há mais de 2km de caminhos que se estendem pela cobertura da selva, bem cuidados jardins e gramados expõem tanto plantas locais quanto exóticas, além do que provavelmente é a melhor coleção de orquídeas nativas e híbridas de PNG. Também são encontradas demonstrações excelentes da vida selvagem, como cangurus de árvores, calaus, casuares, jiboias e um grande aviário que abriga papagaios e aves-do-paraíso (a única chance que os visitante possuem para vê-los).

  2. Museu Nacional

    Todas as peças expostas no museu são cobertas por uma fina camada de poeira. Mas você pode facilmente passar uma hora ou mais perambulando pelas exibições para aprender tudo sobre a geografia, fauna, cultura, etnografia e história de Papua Nova Guiné. Há exemplos incríveis de máscaras, panos do Tapa, escudos e totens, uma magnífica canoa de forquilha decorada com conchas e búzios e uma explicação de como são feitas as bolsas bilum. Não é permitido fotografar. A pequena loja da entrada vende vasilhas entalhadas, cajados e bolsas bilum.

  3. Omarakana

    Para os locais, andar para o norte a partir de Losuia é andar para o interior. Essa área abriga a maioria das estradas e vilas da ilha. Omarakana, mais ou menos no meio do caminho entre Losuia e Kaibola, é onde mora o chefe supremo da ilha. Você sabe que está no lugar certo graças à enorme, complexa e colorida casa tribal típica, que produz batata-doce, e aos poucos carros parados do lado de fora do bangalô do chefe, em estilo ocidental, mas construído sobre pilares.

    Ele pode ser encontrado sentado em uma cadeira debaixo de sua casa, cercado dos homens da tribo. O chefe supremo preside as tradições orais da ilha e mantém seu poder político e econômico de maneira mágica e restrita. Ele é também quem supervisiona o importante festival da batata-doce e os rituais kula. Em sinal de respeito, mantenha a cabeça mais baixa do que a dele e considere levar nozes de bétele ou cigarros como presente.