Rodes

Todas em Rodes

‹ Anterior

de 2

  1. Antique Gallery

    Este lugar pequeno em uma rua estreita é uma caverna de Aladim iluminada com lustres de mosaicode estilo bizantino. Melhor visitá-la à noite para mais impacto visual, pois a loja parece saída de um sonho árabe.

  2. Byzantine Iconography

    Com um ano de lista de espera, é fácil entender por que estes ícones fascinam ao redor do mundo. Visite o artesão Basilios Per Sirimis em seu apertado estúdio de paredes brilhantes e ar carregado de resina e pintura. Os quadros variam de €210 a €2.000.

  3. Cafe Chantant

    Os locais da ilha sentam às suas longas mesas de madeira para escutar música tomando ouzo ou cerveja. É escuro e não há comida, mas a atmosfera é animada pela música ao vivo. Você não esquecerá esta experiência tão cedo.

  4. Epta Piges

    Seguindo pela costa e dobrando à direita em Kolymbia, chega-se a Epta Piges (Sete Nascentes) depois de 4km. As nascentes fluem para um rio, que por sua vez desemboca em um lago. Para chegar até ele, siga pela trilha ou pelo túnel escuro e estreito com água corrente até o tornozelo. Se você é claustrofóbico ou muito alto, opte pela trilha.
    O lago tem uma cor mágica e é lar de muitas tartarugas. Há um café perto das nascentes e um playground. Não há ônibus para Epta Piges: tome um que vá para Lindos e desça no desvio.

  5. Hotel Cava d’Oro

    Este antigo armazém dos Cavaleiros de são João tem oitocentos anos e muito estilo com um café descolado, terraço ensolarado e quartos confortáveis de pé-direito alto. O hotel dá acesso a uma parte da antiga muralha onde os hóspedes podem caminhar.

  6. Kahal Shalom

    Construída em 1577, a Sinagoga Kahal Shalom (Polydorou 5) é a mais antiga da Grécia, e a única remanescente em Rodes. Antes, o bairro contava com seis sinagogas e, na década de 1920, com uma população de 4 mil pessoas. Passe pelo Museu da Sinagoga (22410 22364; www.rhodesjewishmuseum.org; Dosiadou; 10-15h dom-sex, fechado no inverno) nos antigos oratórios femininos dobrando a esquina. Entre outros, estão expostos documentos ornamentados, fotos do século 20 e objetos dos 1.673 judeus deportados de Rodes a Auschwitz em 1944. Apenas 151 sobreviveram.
    Nos arredores, está a Plateia Evreon Martyron (Quarteirão dos Mártires Judeus).

  7. Ladiko (praia)

    Ladiko, conhecida em Rodes como “praia de Anthony Quinn”, consiste em duas enseadas de costas uma para a outra com uma praia pedregosa ao norte e plataformas de rochas vulcânicas ao sul. É boa para nadar, mas a água é bastante fria.

  8. Marco Polo Mansion

    Esta delícia sibarita conta com um pátio frondoso, paredes laranja, luz de velas, fontes iluminadas e uma lista de clientes fixos que inclui romancistas famosos. Os pratos fariam Zeus sorrir: salada de polvo com rúcula e vinagre balsâmico, souvlaki (espetinho grego) de carneiro, peixe-espada, e filé de porco com toque contemporâneo. A recepção é cálida e, à noite, reina um clima boêmio agradável.

  9. Mergulho

    Diversas escolas de mergulho operam a partir de Mandraki e oferecem vários cursos, como o “Dia de Mergulho” por €52,50 e o de três dias com certificado de mergulho em alto-mar (PADI) por €390. Você pode se informar nos barcos das empresas atracados no porto. Confira:

    -Scuba Diving Trident School (fax 22410 29160)

    -Waterhoppers Diving Centre (fax 22410 38146, 6972500971; www.waterhoppers.com)

  10. Methexi Cafe

    A decoração deste bar retrô regado a jazz é bem eclética: caçadores de sonhos convivem com mobiliário antigo e máquinas de escrever vintage – poderia ser a sala da casa de alguém não fosse a luz do balcão que ilumina a longa fileira de uísques. O animado terraço ao ar livre é parcialmente coberto. Atrai uma multidão jovem e alegre.

  11. Museu de Arqueologia

    (entrada €3) O Museu de Arqueologia está localizado em uma antiga hospedaria de cavaleiros do século 15. A principal obra é a bela Banhos de Afrodite, uma estátua de mármore do século 1º a.C. encontrada no fundo do mar. O resto da coleção conta com antigas estátuas e cerâmicas encontradas em Rodes.

  12. Nikos & Takis Hotel

    No alto do morro, este charmoso hotel possui um lindo terraço cheio de bananeiras. Dentro, está repleto de arcos mouriscos, paredes de pedras e quartos decorados individualmente. Confira o de motivos marroquinos (Marokino), com sua banheira de mármore, piso de ladrilho e pantufas autênticas.

  13. Nireas

    Tipicamente grego, cheio de buganvílias no terraço ensolarado; a parte interna, uma alcova de paredes de pedra claras,
    é iluminada à luz de velas. Os camarões empanados derretem na boca. A massa com lagosta e os mariscos ao alho e vinho branco também são boas pedidas. Cozinha refinada.

  14. Palácio dos Grão-Mestres

    O Palácio dos Grão-Mestres (entrada €6), do século 14, foi muito danificado pela invasão turca e depois destruído por uma explosão em meados dos anos 1800. Os italianos reconstruíram o palácio seguindo antigos mapas do exterior, mas
    dentro criaram um novo ambiente, grandioso. A ideia era usá-lo como casa de veraneio para Mussolini e para o rei Emanuel III, mas foi aberto como museu. É possível visitar apenas 24 dos 158 aposentos, com o mobiliário da época, esculturas, afrescos e pisos de mosaico.

  15. Pension Andreas

    Administrada por um professor de filosofia parecido com o ator Peter Lorré, a pensão é um acolhedor labirinto de 11 quartos. Nosso preferido fica no topo da casa, com uma cama em plataforma e aparelho de som. A varanda comum e o bar com vista para o mar, o teto coroado com buganvílias e preços honestos são mágicos. Também há uma geladeira comum.